PUBLICIDADE

Editorial

Os números não mentem

Neste fim de semana durante operação da PRF mais de 800 veículos foram fiscalizados e o número que assusta a polícia é que, dos 849 carros e/ou motos, 10 condutores estavam embriagados. O número equivale a 1,25% dos carros verificados e, embora pareçam poucos o perigo nas rodovias é constante e este número pode representar mortes e perdas para muitas famílias.
No fim de semana, em Mato Grosso, uma jovem morreu em razão da embriaguez ao volante num caso trágico e lamentável. A vítima participava de uma despedida com amigas e voltava para casa de carona. A motorista havia bebido, segundo a polícia. O carro capotou e caiu dentro de um córrego. A vítima estava no carona e não conseguiou sair. Ela ficou submersa e morreu.
Muitos jovens ainda não comprendem a mensagem e o perigo do álcool ao volante e desafiam a vida de outros e a sua própria. Ainda durante a operação da PRF em Livramento, 399 pessoas foram alvo de ações educativas, um número considerado importante, mas que pedem uma atenção maior do Poder Público para campanhas de conscientização mais fortes e reais sobre o perigo de digirir alcoolizado. A consciência de saber fazer o mal a sí mesmo e a outras pessoas deve existir e deve ser já.

Por: - 03/05/2017 às 10:33

 

Deixe seu comentário