Jornal A Plateia - Livramento/RS. Notícia - Declarações da Sec. de Educação repercutem no governo anterior

Pesquisar

 

Geral

Geral

Declarações da Sec. de Educação repercutem no governo anterior

Defendendo o período em que assumiu a secretaria, Lídia Mendes rebate críticas de Ruth Pereira

Diante da reportagem publicada nos dias 7 e 8 de janeiro de 2017, n° 23.475, página 04 sobre a educação municipal com a nova secretária da pasta, a ex-secretária, Lídia Maciel, procurou a Redação do Jornal A Plateia para apresentar as suas versões sobre o assunto. O Jornal A Plateia é um canal imparcial e abre espaço igualitário para as declarações da ex-secretária:

A Pedido

“Em resposta às acusações feitas pela atual Secretária de Educação do Município, Sra. Ruth Pereira, gostaria de esclarecer alguns fatos para a sociedade santanense. Estive à frente da pasta como Secretária Municipal de Educação até o dia 30 de dezembro, e trabalhei até o último dia, encaminhei o relatório contendo todas as informações solicitadas pela comissão de transição e me coloquei à disposição para esclarecer qualquer dúvida. Atendendo a um pedido meu, a Sra. Ruth compareceu até a SME em um único dia, conversamos não mais do que 1 hora e meia, a chamei, pois eu estava muito preocupada com algumas questões, a Colônia de Férias, o início do ano letivo e  da Creche nas E.M.E.Is, que inicia em fevereiro, e também para conversarmos sobre o Transporte escolar e mais uma vez me coloquei à disposição. Então, fui pega de surpresa por suas declarações públicas, que entendi como irresponsáveis, principalmente em relação às obras, quando pergunta onde estão os 350 mil das quadras? Pois acredito que a falta de experiência da mesma a tenha impedido de solicitar um relatório ao Setor de Contabilidade da SME, ou uma conversa com o Setor de projetos ou com a COP (Comissão de Obras Públicas), para entender um processo de licitação e saber que as parcelas só são liberadas conforme o andamento da obra e relatório da COP. Um simples extrato da conta comprova que apenas 100 mil foram liberados e, além dos 100 mil, constam na conta também os rendimentos, já que todo recurso tem que ser aplicado

. Quanto à Camioneta, ela foi licitada respeitando todas as questões legais, está com toda documentação em dia, pode circular, mas, como foi empenhada e liquidada, se esse valor não foi pago ainda, deve aguardar o pagamento conforme decisão da Secretaria da Fazenda. O Setor de compras da SME cumpriu com todas as etapas legais que dizem respeito ao orçamentário. Em relação à necessidade da compra de uma camioneta, a Senhora Ruth logo vai perceber que sem a camioneta fica impossível o acesso em várias escolas do campo, tanto para transportar alimentos, como também para locomoção dos professores que moram nas escolas, principalmente no inverno chuvoso que temos aqui. Outra questão colocada pela Secretária foi em relação a desvios de função de alguns profissionais do Setor de manutenção, na verdade nós últimos 2 meses fomos impedidos de comprar material de construção, pelo motivo de contenção de gastos, desacelerando o rendimento do Setor de manutenção. Alguns desses recursos humanos foram conduzidos temporariamente em outras funções, Já que os mesmos fazem parte do quadro geral da prefeitura e não são pagos com verba vinculada, inclusive foram ajudar em algumas emergências, mas ainda durante a minha gestão foram reconduzidos ao setor de manutenção. O que realmente torna as acusações muito intrigantes é que ao mesmo tempo em que ela faz essas acusações, os funcionários da manutenção foram conduzidos, por ela, a cargos em outros setores, inclusive em uma reportagem do dia 6 de janeiro, foram fotografados ao lado do Prefeito Ico Charopen e a Vice Mari Machado dando início a uma revitalização do Palácio Moises Vianna, além de outros serviços como limpezas de UBSs e Praças. Deixo minha indignação quanto a tais declarações irresponsáveis, mas ao mesmo tempo entendo a falta de conhecimento e inexperiência por parte da nova Secretária, e considerando que faço parte do quadro efetivo dessa secretaria, há mais de 13 anos e também pelo bem da educação, me coloco mais uma vez à disposição para qualquer esclarecimento. *Lídia Maciel”.

 

Por: Elis Regina - elisregina@jornalaplateia.com - 11/01/2017 às 9:31

 

Deixe seu comentário

Pesquisar