PUBLICIDADE

/ CINEMA - ROGUE ONE - UMA HISTÓRIA STAR WARS

Ainda criança, Jyn Erso (Felicity Jones) foi afastada de seu pai, Galen (Mads Mikkelsen), devido à exigência do diretor Krennic (Ben Mendelsohn) que ele trabalhasse na construção da arma mais poderosa do Império, a Estrela da Morte. Criada por Saw Gerrera (Forest Whitaker), ela teve que aprender a sobreviver por conta própria ao completar 16 anos. Já adulta, Jyn é resgatada da prisão pela Aliança Rebelde, que deseja ter acesso a uma mensagem enviada por seu pai a Gerrera. Com a promessa de liberdade ao término da missão, ela aceita trabalhar ao lado do capitão Cassian Andor (Diego Luna) e do robô K-2SO.

/ GAMES - DEAD RISING 4

A Capcom, em parceria com a Microsoft, foi a autora do melhor título de lançamento do Xbox One em Dead Rising 3. Três anos depois, a companhia nos traz de novo uma cara conhecida da franquia, Frank West, de volta à ação em Dead Rising 4. Será que a volta de Frank ao Willamette Memorial Megaplex Mall é o suficiente para nos gerar mais memórias memoráveis?

Em Dead Rising 4, Frank West está novamente atrás de teorias da conspiração escondidas pelo governo dos EUA. Por causa disso, ele acaba voltando para o Willamette Memorial Megaplex Mall e descobrindo que, apesar de todo mundo ser imune ao vírus zumbi que assolou os EUA três vezes antes, um novo surto zumbi está tomando conta da cidade. Caso você tenha jogado Dead Rising 3 no Xbox One ou no PC, você provavelmente já sabe mais ou menos o que esperar em termos de gameplay. Essencialmente, pouca coisa mudou no jogo, ele funciona como um jogo de tiro em terceira pessoa dentro de um sandbox, mas com zumbis pra caramba, exatamente como nesse jogo. Apesar dos zumbis estarem lá para atrapalhar a sua vida, afinal de contas, um apocalipse zumbi é algo inconveniente, eles não chegam a ser uma verdadeira ameaça, há muitas formas de matá-los, seja com armas corpo a corpo ou de fogo, seja com granadas, ou ainda com carros. No geral, o jogo é bastante divertido, e quem nunca jogou nada da franquia certamente vai gostar, afinal de contas, a ideia principal de Dead Rising 4 é trazer um monte de gente maluca e zumbis dentro de um sandbox com milhares de formas de fazer cérebros e entranhas voarem pela tela. Dito tudo isso e considerando o fato dos primeiros dois Dead Rising terem sido relançados para o Xbox One, PC e PS4 (apesar dos de Dead Rising 3 e 4 serem exclusivos do console da Microsoft) fica a dúvida: quem vai gostar de Dead Rising 4? Tanto quem, a princípio, não gostaria das ideias da série tradicional, quanto quem gostou de Dead Rising 3. O jogo realmente é divertido, conta com uma campanha bem legal e resolve alguns dos principais problemas de Dead Rising 3. Graficamente, o jogo está com belos gráficos e uma boa otimização também. Eu não encontrei lentidões na tela mesmo em horas bastante movimentadas e cheias de explosões. A Capcom Vancouver fez um excelente trabalho em polir o game. A trilha sonora e a dublagem original dele também é muito boa, e o jogo ainda conta com uma boa dublagem em português, caso você prefira jogá-lo no nosso idioma materno.

/ TV (RBS tv 22h14) TELA QUENTE

Um Momento Pode Mudar Tudo

Um Momento Pode Mudar Tudo (2014)

Bec é uma universitária meio perdida que está se relacionando com um professor casado e perdendo o interesse no seu futuro acadêmico. Ela começa um novo trabalho, cuidando de Kate, uma mulher que sofre de uma doença terminal. Aos poucos, a jovem vai aprendendo a aproveitar o mundo, mas acaba se afastando cada vez mais da sua antiga vida.
Título Original: You’re Not You
Direção: George C Wolfe
Nacionalidade: Americana
Gênero: Drama

Por: - 19/12/2016 às 9:39

 

Deixe seu comentário